domingo, 6 de agosto de 2017

MINUTOS DE SILÊNCIO REALMENTE EM SILÊNCIO EMOCIONA MAIS ABEL: "HOJE FOI TUDO DIFERENTE"

Técnico diz que torcida do Fluminense deu show
 
Abel Braga "conversou" com filho durante um minuto de silêncio (Foto: Lucas Merçon - FFC)
Poucas vezes, ou quase nunca, vê-se um minuto de silêncio em jogos de futebol realmente em silêncio. Neste sábado, a torcida do Fluminense ficou completamente quieta. Todas as homenagens deixaram Abel Braga ainda mais emocionado. O técnico considerou a postura dos tricolores em seu primeiro jogo em casa após o trágico falecimento do filho João Pedro.
– Tudo pra mim hoje foi diferente. Hoje estava na minha casa, casa do Fluminense, no Rio de Janeiro. Jamais vou esquecer o que a torcida do Sport me presenteou com carinho e aplausos, marcou e eu digo, vou ser repetitivo. O Janjão está me fazendo passar essas coisas. Até o minuto de silêncio foi diferente. Naquele minuto de silêncio, eu conversava com ele, a torcida deu um show tão fantástico de carinho para comigo e meu filho, amigos, minha mulher. Eu recebi uma carta ontem de uma pessoa, não vou citar nome. Uma pessoa muito conceituada, em mãos. Eu ao chegar em casa li essa carta. Coisas bonitas, coisas positivas, que me fizeram pensar muito naquilo que ele tentava me passar, mas me passou num ponto dessa carta, num parágrafo, algo que eu nunca tinha pensado. E que no fundo eu tenho consciência que é uma característica dos Bragas. Meus avós já foram, meus pais. Hoje eu sou o patriarca. Num dos parágrafos, ele me disse: “Abel nunca te conheci pela metade. Sempre te conheci inteiro”. E os torcedores do Fluminense, dos outros clubes, foram inteiros comigo – disse.
FONTERedação NETFLU

Nenhum comentário: