domingo, 18 de junho de 2017

ATUAÇÕES - FLUMINENSE 2 X 2 FLAMENGO

Confira as notas dos jogadores tricolores dadas pela e equipe do site


Júlio César – Nota: 4


Sem culpa nos gols do Flamengo, mas bateu roupa numa bola boba e quase levou outro.


Lucas – Nota: 4


Praticamente não apoiou. Atrás, cedeu espaços no segundo tempo.


Reginaldo – Nota: 7,5


Muito bem na marcação, não deixou Guerrero respirar em campo e ainda salvou numa finalização de Berrío que tinha endereço certo.


Henrique – Nota: 5


Tirou a maioria dos lances, exceto num que foi driblado facilmente por Berrío e o atacante rival quase marcou.


Mascarenhas – Nota: 5


Começou bem na partida, dando opção pelo lado esquerdo. Foi diminuindo o ritmo com o cansaço e acabou sacado.


(Léo, 28 do 2ºT) – Nota: 5


Discreto. Não complicou e tampouco fez algo para mudar a história da partida.


Orejuela – Nota: 5


Foi inseguro em algumas matadas de bola na frente da área tricolor. Por outro lado, marcou com eficiência


(Nogueira, 43 do 2ºT) – Nota: –


Ficou muito pouco tempo em campo para ser avaliado.


Wendel – Nota: 9


Fez uma partidaça no primeiro tempo. Marcou, avançou e, em duas chances de gol, fez um. Cansou no segundo e foi substituído.


(Mateus Norton, 28 do 2ºT) – Nota: 5


Teve função unicamente defensiva. Não conseguiu chegar junto de Trauco no lance do gol de empate do Flamengo.


Gustavo Scarpa – Nota: 8


Voltou a jogar bem. Por mais que tenha cometido alguns erros de
passe, foram em lançamentos seus que surgiram os dois gols tricolores.


Marquinhos Calazans – Nota: 5,5


Oscilou na partida. Conseguiu boas arrancadas e em determinados
momentos optou pela jogada errada, como, por exemplo, num chute de muito
longe com Wendel livre esperando o passe.


Richarlison – Nota: 6,5


Sua movimentação aberto pelo lado esquerdo incomodou a zaga adversária. Sofreu o pênalti do segundo gol do Fluminense.


Henrique Dourado – Nota: 6


Não teve muitas chances para finalizar durante o jogo. Cobrou pênalti com a categoria costumeira e converteu.


Abel Braga – Nota: 5,5


Armou bem o Fluminense, de forma a pressionar e ser superior ao
Flamengo. Pagou o preço, no entanto, de ver seus comandados pararem de
jogar sempre que estiveram na frente no placar.


FonteRedação NETFLU

Nenhum comentário: