terça-feira, 2 de junho de 2015

DECEPÇÕES? SITE LISTA PROMESSAS DA BASE TRICOLOR QUE NÃO VINGARAM

Lenny, Tartá, Wellington Silva e Wallace são alguns citados pelo site Uol
Lenny não deu sequência à carreira conforme se esperava
Lenny não deu sequência à carreira conforme se esperava
Sem dinheiro em caixa para fazer grandes investimentos como em anos anteriores (com o patrocínio da Unimed), a solução no Fluminense foi dar chance à prata da casa com uma geração talentosa com Marlon, Robert, Gerson e Kenedy, entre outros. Porém, no passado, outros surgiram no clube e não despontaram como se esperava. O site Uol lista alguns deles.
Na relação de 18 atletas do portal, aparecem nomes como Lenny, Tartá, Wellington Silva e Wallace.
Veja e tire suas próprias conclusões:
Lenny – Atacante – Após brilhar por Fluminense, Lenny (e) foi para o Palmeiras, mas nunca correspondeu às expectativas.
Tartá – Apoiador – Grande promessa tricolor, Tartá está com 26 anos e não conseguiu destaque no futebol brasileiro. Atualmente, está no futebol coreano.
Fábio – Lateral-esquerdo – Fabio da Silva não repetiu o sucesso do irmão Rafael e foi parar no Cardiff, na segunda divisão inglesa.
Eduardo – Apoiador – O meia Eduardo surgiu como promessa no Fluminense em 2013, mas foi para o Ceará sem emplacar nas Laranjeiras.
Fernando Bob – Volante – O volante Fernando Bob ainda pertence ao Fluminense, mas vem sendo emprestado consecutivamente pelo Tricolor desde 2008. Atualmente, está na Ponte Preta.
Lucas Patinho – Apoiador – O meia Lucas Patinho chegou a frequentar seleções brasileiras de base na época de Fluminense, mas acabou não emplacando no Tricolor. Aos 23 anos, ele está na Ponte Preta após passagens por Croácia e Portugal.
Matheus Carvalho – Atacante – Aos 23 anos, Matheus Carvalho não teve oportunidades no time principal e foi emprestado ao Monaco, mas tem pouco espaço no time francês.
Wellington Silva – Atacante – Hoje com 22 anos, Wellington Silva chegou a integrar o elenco do Arsenal, mas não conseguiu seu espaço e atualmente defende o modesto Almeria, da Espanha.
Rafael Pernão – Atacante – O atacante Rafael Pernão surgiu em 2011 como promessa tricolor, mas trocou o Fluminense pelo Internacional no ano seguinte. O sucesso esperado não veio, e hoje, aos 22 anos, ele defende o modesto Tombense-MG.
Fernando Henrique – Goleiro – O goleiro Fernardo Henrique surgiu como revelação na posição no começo dos anos 2000, mas nunca agradou completamente a torcida tricolor. Fora das Laranjeiras não conseguiu espaço e hoje, aos 31 anos, defende o Remo.
Wallace – Lateral-direito – O lateral direito Wallace foi vendido em transação milionária junto ao Chelsea em 2012, mas nunca se firmou no time inglês. Passou também pela Internazionale antes de chegar à atual equipe, o Vitesse, da Holanda.
Maurício – Volante – Revelado pelo Fluminense em 2007, o volante Mauricio foi transferiu-se para o Terek Grozny, da Russia, em 2010, onde está até hoje, aos 26 anos.
Rodrigo Tiui – Atacante – Após passagens por Sporting-POR e Santos, Rodrigo Tiui está com 29 anos e defende o Gifu FC, da terceira divisão do Japão.
Alex Fidelinho – Atacante – Revelado pelo Fluminense no começo dos anos 2000, o atacante Alex Terra está com 32 anos e defende a modesta Penapolense, de São Paulo.
Romeu – Volante – Aos 30 anos, o volante Romeu hoje defende o pouco conhecido Levadiakos, da Grécia.
Maurício Alves – Atacante – O atacante Mauricio Alves chegou a ser vendido para o Villarreal em 2008, mas jogava na 3ª divisão da França quando sofreu acidente fatal em 2014.
Wellington Nem – Atacante – Wellington Nem deixou o Fluminense com status de joia, mas nunca emplacou no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Ele tentou até mesmo voltar ao Tricolor em 2014, mas a negociação não avançou. Hoje tem 23 anos.
Wellington Carvalho – Zagueiro – Wellington Carvalho chegou a defender a seleção brasileira sub-20, mas não fez o mesmo sucesso do amigo Fabinho entre os profissionais. Hoje, aos 22 anos, disputa a Série B com o Ceará.
* Textos com as análises sobre os jogadores retirados na íntegra do site Uol.
Fonte: Uol
DIVULGAÇÃO: Blog Dudé Vieira.

Nenhum comentário: